Artur Soares Dias, que dirigiu a recente final da Taça de Portugal entre FC Porto e Benfica, que os ‘dragões’ venceram por 2-1, ficou ligeiramente à frente de João Pinheiro (9.307), com Luís Godinho a fechar o pódio, com 9.266 pontos.

Do lado oposto da classificação, Cláudio Pereira e Rui Oliveira foram penúltimo e último classificados, respetivamente, com 9.076 e 9.072, respetivamente, pelo que baixam à categoria C2.

Jorge Sousa termina a carreira no quarto lugar, com 9.262 pontos, tal como sucede com Carlos Xistra, que este ano arbitrou mediante um convite excecional e foi 18.º, entre 21 ‘juízes’, com 9.124.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.