Esse cenário, segundo a mesma fonte, implicará uma profunda reflexão sobre a sua continuidade como presidente do Sporting, depois de ter sido eleito pela primeira vez em 2013 e reconduzido no cargo já este ano.

Neste período, o Sporting conquistou a Taça de Portugal na época 2014/15, sob o comando de Marco Silva, e a Supertaça logo na abertura da época seguinte, já com Jorge Jesus sentado no banco, na primeira das duas épocas que já soma como treinador 'leonino'

A saída é uma hipótese, segundo a mesma fonte, mesmo considerando a atual administração que a recuperação do clube no plano financeiro e desportivo desde que Bruno Carvalho assumiu a presidência foi um êxito, nomeadamente nas modalidades, em que está à beira de conquistar a terceira competição europeia, no caso a Taça Challenge de andebol.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.