“O mundo do futebol continua em estado de choque e profundamente entristecido com esta tragédia”, sublinha a FIFA, o organismo de cúpula do futebol mundial, num comunicado.

O avião caiu na na Colômbia, país onde o Chapecoense ia disputar a primeira mão da final da Taça da América do Sul com o Atlético Nacional.

No acidente morreram 71 pessoas, incluindo jogadores e equipa técnica do Chapecoense e jornalistas que iam cobrir o jogo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.