“Nos últimos anos, dominaram Messi e Ronaldo. Acho que para decidir entre os dois, cada um se move pela camisola que veste. Para mim, foram os melhores”, afirmou Del Bosque ao sítio oficial da FIFA, questionado sobre quem é a aposta pessoal para receber o prémio de Jogador do Ano do organismo de cúpula do futebol mundial.

O antigo selecionador espanhol disse ainda que a lista de 23 nomeados devia incluir “Sergio Busquets ou Gerard Piqué”, ambos internacionais espanhóis e atletas do FC Barcelona, por terem “marcado uma grande etapa do futebol espanhol”.

Já para Melhor Treinador, categoria em que está nomeado o selecionador de Portugal, Fernando Santos, Del Bosque não tem dúvidas e aponta o argentino Diego Simeone, técnico do Atlético de Madrid, pela “trajetória muito importante dos últimos anos”.

“Deu identidade a uma equipa, que fez sua, e têm competido muito bem”, disse o espanhol, que enalteceu o trabalho dos outros treinadores nomeados.

Os três finalistas para o prémio de melhor jogador do mundo, em que está nomeado Cristiano Ronaldo, e melhor treinador do mundo, em que está nomeado Fernando Santos, são anunciados esta quinta-feira.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.