Em comunicado divulgado no site oficial, o emblema germânico deu conta da saída do treinador suíço, ao mesmo tempo que anunciou o sucessor, Xabi Alonso, que assinou um contrato válido até junho de 2024.

Gerardo Seoane, que liderava o Bayer desde a temporada passada, abandona os ‘farmacêuticos’ no dia seguinte ao desaire no Estádio do Dragão (2-0), para a terceira jornada do grupo B da Liga dos Campeões, deixando ainda a equipa num modesto 17.º e penúltimo lugar na Bundesliga.

Por seu lado, Xabi Alonso, de 40 anos, vai ter a sua primeira experiência à frente de uma equipa de um escalão principal, já que no currículo conta apenas com uma passagem pela equipa B da Real Sociedad, entre 2019 e 2022.

Enquanto jogador, o antigo médio internacional espanhol representou Real Sociedad, Liverpool, Real Madrid e Bayern Munique, além de ter conquistado o Mundial2010 e os Europeus de 2008 e 2012 com a seleção do seu país, pela qual atuou em 114 jogos.

A estreia de Alonso à frente do Bayer Leverkusen está marcada para sábado, diante do Schalke 04, para a Bundesliga, sendo que na próxima semana os ‘farmacêuticos’ vão receber o FC Porto, em partida da quarta ronda do grupo B da ‘Champions’.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.