A secção profissional do CD castigou Luís Bernardo e multou também o Benfica em 2.907 euros, devido a um comunicado publicado no site oficial do clube, no qual se acusava a justiça desportiva sob alçada da FPF de "inequívoca dualidade de critérios".

O comunicado foi emitido em 20 de março, dia da Gala Quinas de Ouro da FPF, na qual o Benfica não se fez representar institucionalmente, como forma de protesto contra a inoperância dos órgãos da FPF face ao que entendia ser um "grave clima de coação, intimidação e declarações públicas ofensivas".

“O Benfica não aceita este estado de total anarquia, de vale tudo em que se está transformar o futebol português, tornando-se exigível que a lei seja cumprida de forma transparente e que exista uma justiça igual para todos”, lia-se no comunicado.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.