Depois de, aos 80 minutos, oferecer ao ‘capitão’ Cristiano Ronaldo o seu 89.º tento por Portugal, o jogador do Manchester City apontou, com classe, o golo quarto golo da formação das ‘quinas’, aos 86, assistido por Raphaël Guerreiro.

Nas anteriores 37 internacionalizações ‘AA’, Bernardo Silva apenas contava três golos, sendo que o último havia acontecido há quase um ano, em 11 de outubro de 2018, num triunfo por 3-2 face à Polónia.

Em Chorzow, o jogador formado do Benfica marcou o terceiro golo luso, que ficou a vencer por 3-1, aos 52 minutos, num triunfo decisivo para o apuramento de Portugal para a fase final da primeira edição da Liga das Nações.

O jogador do City estreou-se a marcar por Portugal em 01 de setembro de 2016, numa goleada por 5-0 a Gibraltar, e apontou o segundo golo em 24 de junho de 2017, num 4-0 à Nova Zelândia, na Rússia, para a Taça das Confederações.

Portugal ascendeu hoje ao segundo lugar do Grupo B de apuramento para o Europeu de 2020, ao vencer a Sérvia por 4-2, em Belgrado, conseguindo o primeiro triunfo, ao terceiro jogo.

Depois dos empates caseiros com a Ucrânia (0-0) e os sérvios (1-1), os campeões europeus em título venceram com tentos de William Carvalho, aos 42 minutos, Gonçalo Guedes, aos 58, Cristiano Ronaldo, aos 80, e Bernardo Silva, aos 86.

Por seu lado, Milenkovic, aos 68 minutos, e Aleksandar Mitrovic, aos 85, faturaram para os sérvios.

O Grupo B é liderado pela Ucrânia (13 pontos, em cinco jogos), que ganhou hoje por 3-0 em Vilnius, seguida por Portugal (cinco em três), Luxemburgo (quatro, em quatro), Sérvia (quatro, em quatro) e Lituânia (um, em quatro).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.