Há a Ryder Cup, no golfe e Laver Cup, no ténis. O Padel tem também a batalha que opõe dois continentes: Europa e América. Portugal será palco desse confronto continental.

A primeira edição da EuroAmerica Padel Cup, evento organizado pela Federação Portuguesa de Padel, em conjunto com a European Padel Association e a Continental American Padel Federation arranca hoje no Clube de Ténis do Estoril, em Cascais, e termina no dia 6.

Com ausências de peso nesta prova inaugural (Espanha, Argentina, que dividem entre si o top-50 e Brasil deixaram os grandes nomes do circuito mundial – World Padel Tour — em casa ou afetos a torneios que se realizam um pouco por todo o mundo) há uma promessa de cumprimento de um calendário: realizar-se-á de dois em dois anos, não colidindo com o World Team Championships (o Campeonato do Mundo por equipas), alternando entre a Europa e o continente  americano (Norte e Sul).

Cada uma das seleções apresenta-se com um selecionador e 14 jogadores de raquete em punho. A Europa (9 nações) será liderada pela antiga estrela, Guillermo Lahoz Rodríguez, considerado o melhor jogador espanhol de todos os tempos e atual 57 º do ranking mundial.

Portugal, com três selecionados, é juntamente com a Espanha e Brasil o país que apresenta maior contingente: Miguel Oliveira, 67º na hierarquia mundial e melhor português, campeão nacional em 2018 ao lado de Vasco Pascoal (144º) e Ricardo Martins (185º). Refira-se ainda que o nº1 nacional fez dupla com Willy Lahoz durante 4 meses, atingindo, recentemente, os 1/16 de final do Master de Valladolid.

Do lado americano, o argentino Alejandro Lasaigues, “El Marciano”, ex-número 1 mundial e por muitos considerado o melhor de sempre trouxe ao Estoril uma armada de sete países constituída por alguns jogadores entre o top-150 e top-200.

Na prova que é transmitida no canal YouTube da Eleven Sports, cada um dos três dias do EuroAmerica Padel Cup compreenderá um programa de seis confrontos. Cada vitória dá um ponto. O programa competitivo arranca hoje às 15h00. A cerimónia de encerramento está prevista para as 21h00 de sábado.

As seleções e os selecionados:

Europa: Kristopher Sotiriu (Áustria), Jeremy Gala (Bélgica), Pablo Andrés (Alemanha), Fabian Schmidt (Alemanha), Milan Terkovics (Hungria), Uriel Maarsen (Holanda), Miguel Oliveira (Portugal), Vasco Pascoal (Portugal), Ricardo Martins (Portugal), Roby Gatikker (Suíça), Jaime Bergareche (Espanha), Marcelo Perez (Espanha), Jacobo Blanco (Espanha), Carl Knutsson (Suécia).

América: Julio Julianoti (Brasil), Matheus Simonato (Brasil), Stefano Flores (Brasil), Francisco Riverol (Estados Unidos), Santiago Valentín Mota (República Dominicana), Maximiliano Montaño (México), Emilio Trejo (México), Jose Angel Montoya (México), Yain Melgratti (Argetina), Federico Chiostri (Argentina), Pablo Egea (Argentina), Carlos Zahri (Chile), Samuel Miltos (Paraguai) e Diego Gonzalez (Paraguai).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.