Marcos Freitas (15º no ranking mundial e 4º a nível europeu) e Tiago Apolónia (36º), no quadro masculino e Fu Yu (32ª mundial e 7ª no ranking europeu), no feminino, são a esperança portuguesa na conquista de medalhas nos Campeonatos da Europa de Ténis de Mesa que decorrem em Alicante, Espanha, de 18 a 23 de setembro.

Portugal parte para a prova europeia na qualidade de vice-campeão masculino, título conquistado em Budapeste, Hungria, competição na qual Tiago Apolónia, Marcos Freitas, João Monteiro, João Geraldo e Diogo Carvalho, conquistaram a medalha de prata, após perderem a final contra a Alemanha por 3-0. Nessa mesma competição João Monteiro (ausente este ano devido a lesão) e Daniela Monteiro Dodean (mulher de João Monteiro) trouxeram para casa o ouro em pares mistos, Fu Yu conquistou a prata em singulares femininos e João Geraldo e Tiago Apolónia o bronze em pares mistos.

Diogo Carvalho (170º), Diogo Chen (287º), João Geraldo (106º), Leila Oliveira (201ª) e Jieni Shao (144ª) e Célia Silva, completam a comitiva portuguesa de 9 atletas presentes no campeonato da Europa de Ténis de Mesa - prova que terá transmissão para Portugal através do canal Eurosport. A seleção nacional será liderada pela equipa técnica composta por Kong Guoping, Francisco Santos e Xie Juan.

Detentora de duas medalhas de bronze (2013, em Schwechat, Áustria e em 2015 em Yekaterinburg, Rússia) e uma de prata, 2016 em Budapeste, na Hungria, Lu Yu, jogadora chinesa (nasceu em Hebei), naturalizada portuguesa, número 7 do ranking europeu, garantiu, em declarações ao site do campeonato europeu “que o objetivo é fazer o melhor que pode e tentar conquistar medalhas”, relembrando ainda que nos últimos três Europeus foi “ao pódio”.

Para a vice-campeã europeia e 32ª no ranking mundial não há grandes favoritos à conquista individual, embora avise que “qualquer jogadora chinesa naturalizada pode ganhar”, rematou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.