Neste primeiro dia do torneio, no quadro masculino, os principais jogos envolviam o primeiro cabeça de série Andy Murray, o japonês Kei Nishikori, os suíços Stan Wawrinka e Roger Federer, Tomas Berdych e Marin Cilic.

O primeiro a entrar em court foi Nishikori, que precisou de mais de 3h30 para ultrapassar o russo Andrey Kuznetsov em cinco sets, com os parciais 5-7, 6-1, 6-4, 6-7(6) e 6-2.

Seguiu-se Berdych, que teve a vida facilitada pois o seu adversário, o italiano Vanni, desistiu no final do primeiro set que terminou 6-1 para Berdych ao cabo de 33 minutos.

Marin Cilic, por outro lado, teve uma tarefa bem mais complicada e foi obrigado a fazer uma “remontada” para vencer o encontro contra o polaco Jerzy Janowicz em 5 sets. Após perder os dois primeiros (por duplo 4-6), Cilic fechou ao vencer os três seguintes por 6-2, 6-2 e 6-3.

Murray, o número um do ranking mundial, tinha pela frente o ucraniano Illya Marchenko. Após um início mais complicado, em que venceu os dois primeiros sets por 7-5 e 7-6, Murray acabou por ganhar o terceiro por 6-2 e avançar para a segunda ronda, depois de quase três horas de encontro.

Já o suíço Wawrinka teve um jogo mais difícil do que se esperava. O seu adversário, o eslovaco Martin Klizan, apresentou um grande nível de ténis e acabou por perder para o número quatro mundial em apenas 5 sets pelos parciais de 4-6, 6-4, 7-5, 4-6 e 6-4, em quase 3h30 de jogo.

O último a entrar em campo foi Federer, numa partida que marcava o seu regresso oficial à competição, depois de seis meses de paragem por lesão. Nesta primeira ronda, o suíço (que se encontra pela primeira vez fora do top 10, desde 2002), tinha pela frente o austríaco Jurgen Melzer, com o qual tinha perdido na última vez que se defrontaram. Federer acabou por confirmar o seu favoritismo e vencer em quatro sets por 7-5, 3-6, 6-2 e 6-2.

As maiores desilusões do dia foi a eliminação do português Gastão Elias às mãos do australiano Nick Kyrgios por 6-1, 6-2 e 6-2 e a derrota do francês Lucas Pouille, 16.º cabeça de série, contra o cazaque Bublik pelos parciais de 6-0, 3-6, 6-3 e 6-4.

No quadro feminino, a grande surpresa foi mesmo a eliminação da quarta cabeça-de-série, a romena Simona Halep, que perdeu para a americana Shelby Rogers por 6-3 e 6-1.

Angelique Kerber, número um mundial, com mais dificuldade do que era expectável, também passou para a próxima ronda ao derrotar a ucraniana Lesia Tsurenko em três partidas, 6-2, 5-7 e 6-2. Para a segunda ronda também avançaram Mónica Puig (campeã olímpica), Svetlana Kuznetsova, Garbine Muguruza e Venus Williams, todas a vencer os seus encontros em dois sets.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.