“Cristiano, hoje é um dia inolvidável para ti. Conseguiste ultrapassar a melhor marca de golos marcados ao serviço das seleções. É um marco histórico para ti, para a seleção e para o futebol português”, disse Fernando Gomes, ao sítio oficial da FPF na Internet.

O líder do organismo destacou ainda que todo o “talento, dedicação e entusiasmo” que Ronaldo coloca ao serviço da seleção portuguesa atingiram agora “o pleno com esta concretização e este feito”.

Também o vice-presidente Humberto Gomes elogiou o feito alcançado pelo capitão da seleção das ‘quinas’: “Mais um recorde. É um objetivo muito grande para um grande jogador de futebol. O mais importante é que és um jogador de 90 minutos. Jogas sempre, demonstras bem a atitude, empenho, o prazer e a alegria de jogares”.

Na quarta-feira, o capitão da equipa das ‘quinas’ isolou-se como melhor marcador mundial de golos por seleções, ao chegar aos 111, deixando para trás o iraniano Ali Daei (109).

No Estádio Algarve, em Faro, o avançado do Manchester United falhou um penálti, aos 15 minutos, mas apareceu na reta final do encontro para fazer os golos que ditaram o triunfo luso, aos 89 e 90+6, em resposta ao tento inaugural do defesa irlandês Egan, aos 45.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.