A máxima organização do futebol mundial quer expressar desta forma o seu reconhecimento pelo ex-futebolista argentino, que morreu na última quarta-feira no seu país, através de uma homenagem planetária em cada um dos jogos que se disputam sexta-feira, sábado e domingo.

A entidade presidida por Gianni Infantino informou o seu pedido através de um comunicado oficial e descreveu Maradona como "um dos maiores ícones do futebol de todos os tempos".

Maradona estava a recuperar de uma operação a que foi sujeito a um coágulo no cérebro e morreu na quarta-feira na sua residência, na Argentina, aos 60 anos, vítima de uma paragem cardiorrespiratória.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.