"Na reta, o pneu esvaziou e foi um momento com o coração na boca... Só rezava para dar a volta. Fiquei realmente arrepiado com aquele final. Bono [engenheiro da Mercedes] estava a dar-me indicações [sobre onde estava Max Verstapen]. Nunca experienciei algo assim na última volta", disse Lewis Hamilton aos microfones da equipa de reportagem da Fórmula 1 no final do Grande Prémio da Grã-Bretanha.

O piloto da Mercedes venceu hoje o GP inglês pela sétima vez e alargou a vantagem no Mundial de pilotos. Depois de uma última volta de loucos, em que Hamilton correu com o pneu dianteiro direito furado, a corrida terminou com holandês Max Verstappen (Red Bull) em segundo e o monegasco Charles Leclerc (Ferrari) em terceiro.

Num vídeo disponibilizado nas redes sociais pela Fórmula 1, vê-se o quão perto o piloto da Red Bull ficou de conquistar o GP. Ao ouvido, depois de Hamilton cruzar a meta, ouve-se a equipa da Red Bull dizer a Verstappen he is a lucky boy, he is a lucky boy [ele é um sortudo, ele é um sortudo], referindo-se ao atual campeão do mundo.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.