A Federação Internacional do Automóvel (FIA) decidiu adiar o Grande Prémio do Bahrein, que deveria acontecer entre os dias 20 e 22 de março no Circuito Internacional do Bahrein, assim como o Grande Prémio do Vietname, entre 3 e 5 de abril, no Circuito de Hanói.

Estas medidas ocorrem depois da FIA ter optado também por cancelar o Grande Prémio da Austrália, marcado para este domingo, 15 de março, na sequência de um caso positivo de Covid-19 que forçou à desistência da McLaren.

O Grande Prémio da China, que estava marcado para os dias 17, 18 e 19 de abril também já tinha sido adiado.

A FIA e a Fórmula 1 estão agora a consultar os promotores das corridas nos respetivos países para remarcar as corridas. Com estas alterações no calendário, o campeonato de 2020 só deverá começar no final de maio.

O cancelamento na Austrália é o primeiro de uma prova de Fórmula 1 desde o Bahrein em 2011.

Já ontem à tarde, o alemão Sebastian Vettel (Ferrari) tinha admitido a possibilidade de os pilotos se recusarem a correr.

O novo coronavírus responsável pela Covid-19 foi detetado em dezembro de 2019, na China, e já provocou mais de 4.900 mortos em todo o mundo, levando a Organização Mundial de Saúde a declarar a doença como pandemia.

O número de infetados ultrapassou as 128 mil pessoas, com casos registados em mais de 120 países e territórios. Quase 70 mil dos infectados já recuperou.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.