O Brasil venceu o Peru por 3-1 e conquistou a nona Copa América da história da canarinha, um título que fugia à 'escrete' desde 2007, ano em que também organizou a competição e derrotou a Argentina por 3-0 na final.

Sabemos o resultado, sabemos quem marcou e quem levou o título para casa. Resta ficar a conhecer os números que foram sendo construídos desde o apito inicial até ao fim do jogo. Em 15 tuítes, contamos as curiosidades, as estatísticas e os recordes que aconteceram (e os que ficaram por acontecer).

1 - No Brasil, manda... o Brasil

Todas as Copas América disputadas em território brasileiro foram conquistadas pela canarinha.

2 - Tite, o totalista

O selecionador brasileiro tornou-se no primeiro treinador a vencer a Copa América, a Copa Libertadores, (Corinthians, 2012), e a Copa Sudamericana (Internacional, 2008).

3 - Gabriel e a arte de marcar e dar a marcar

Gabriel Jesus junta-se a Rivaldo e Luis Suárez como os únicos a marcar e assistir numa final da Copa América.

4 - E agora, só a arte de marcar

Gabriel Jesus é o sexto jogador a marcar nas meias-finais e final da Copa América.

5 - Gabriel Jesus, do oito ao oitenta

O avançado do Manchester City tornou-se no primeiro jogador a marca e a ser expulso numa final da Copa América.

6 - (Ainda) sobre a expulsão do Gabriel

Esta é a segunda vez que o avançado brasileiro é expulso na carreira. A primeira aconteceu em 2016, ao serviço do Palmeiras.

7 - A muralha Alisson

O guarda-redes do Liverpool sofreu um golo depois de 889 minutos sem ser batido. A última vez que o brasileiro tinha sofrido um golo remonta ao dia quatro de maio, num jogo entre os reds e o Newcastle para a Premier League.

8 - Por um golo, a muralha brasileira não igualou o recorde colombiano

O golo sofrido esta noite diante do Peru foi o único consentido pela seleção brasileira em toda a Copa América. Em 2001, a Colômbia conseguiu terminar a competição sem sofrer qualquer golo.

9 - Paolo Guerrero fez história

Guerrero foi o único, em toda a competição, a derrubar a muralha brasileira. Conseguiu-o de grande penalidade. Todas as nações da CONMEBOL já foram vítimas do peruano.

10 - Paolo Guerrero histórico (x2)

Com 14 golos, o avançado peruano do Internacional, tornou-se no quinto melhor marcador da Copa América. Pela seleção peruana soma 40 golos em 100 jogos e é o melhor marcador da história da seleção.

11 - Everton, o renascido

O avançado brasileiro nunca tinha marcado um golo pela seleção brasileira antes desta Copa América. Quando lhe tomou o gosto, tornou-se no melhor marcador da competição (a par de Guerrero).

12 - Premonição? Foi tal como há doze anos, diante da Argentina

Everton marcou o primeiro golo do Brasil aos 15 minutos, no primeiro remate da canarinha no jogo. A última vez que um jogador tinha marcado no primeiro remate à baliza numa final da Copa América foi há 12 anos. Foi Júlio Baptista, num encontro que opôs Brasil e Argentina e no qual a 'escrete' tinha ganho a última Copa.

13 - Everton quebrou um nulo de oito anos

O golo de Everton nesta final da Copa América foi o primeiro desde que Diego Forlan carimbou a vitória do Uruguai sobre o Paraguai por 3-0 em 2011. Nas últimas duas Copas, 2015 e 2016, o encontro terminou com um empate a zeros e o título foi decidido nas grandes penalidades entre a Argentina e Chile, com os chilenos a somarem uma dupla conquista.

14 - Militão: estreia 'atrasada' estreia abençoada

Demorou a estreia de Éder Militão, reforço do Real Madrid, nesta Copa América. O central entrou aos 77 minutos na partida naquela que também foi a estreia em jogos oficiais pelo Brasil. Uma estreia 'atrasada', mas abençoada com a conquista da competição.

15 - Dani Alves, o rei dos títulos

O antigo lateral do Barcelona conquistou o 40º título da carreira, o quarto com a seleção brasileira.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.