Em jogo da 32.ª jornada da prova, os vimaranenses começaram melhor e, aos 11 minutos, adiantaram-se por Tozé, na conversão de uma grande penalidade, tendo ampliado aos 78, por Florent, numa altura em que jogavam com menos um, depois da expulsão de Wakaso, aos 24, por acumulação de amarelos.

A precisar de somar pontos para manter vivas as esperanças de manutenção, o Nacional conseguiu chegar à igualdade nos últimos 10 minutos, primeiro com um golo de Diogo Coelho, aos 82, e depois por Alhassan, aos 90+2.

Com este empate, o Vitória conserva o sexto posto, que na presente edição da Liga vai permitir o acesso à Liga Europa, com 46 pontos, mais quatro do que o Rio Ave, sétimo, enquanto o Nacional é penúltimo com 28, a quatro do Desportivo de Chaves, a primeira equipa situada acima da linha de despromoção, numa altura em que estão seis pontos em disputa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.