“Falei com Zlatan [Ibrahimovic] na terça-feira. Informou-me que não mudou de ideias a respeito do regresso à seleção. Continua a ser não”, disse Lars Richt, confirmando que o veterano avançado não integrará a lista de convocados do selecionador Janne Andersson, que será anunciada em 15 de maio.

O veterano avançado, de 36 anos, que alinha nos norte-americanos do LA Galaxy, abandonou a seleção sueca após o Euro2016, conquistado por Portugal, terminando a carreira internacional com o recorde nacional de 62 golos marcados, em 116 jogos.

O comunicado de Richt surge após Ibrahimovic ter deixado entender que poderia regressar à seleção da Suécia para disputar o Mundial2018, cuja fase final se vai disputar na Rússia, onde terá como adversários no grupo F a Alemanha, campeã em título, o México e a Coreia do Sul.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.