A detenção do agente de futebolistas, cuja empresa estava sediada no Mónaco, e de um assistente, que operava na região de Liège, foram efetuadas em consequência de sete buscas realizadas no principado, em várias localidades da Bélgica e em Londres.

A investigação, que visava inicialmente a transferência do avançado internacional sérvio Aleksandar Mitrovic dos belgas do Anderlecht para o Newcastle, da liga inglesa, já tinha estado na origem de buscas realizadas em 24 de abril, nas quais não se registou qualquer detenção.

Fonte próxima do processo disse à AFP que a nova etapa da investigação está direcionada para o representante de jogadores Christophe Henrotay, suspeito de ter agido de forma fraudulenta no decurso da transferência de vários jogadores.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.