“Por decisão da UEFA, o jogo da Liga dos Campeões com o Lyon será realizado no estádio olímpico de Kiev”, confirmou o Shakhtar, estando o motivo da alteração do jogo relacionado com o conflito entre a Ucrânia e a Rússia e à imposição da lei marcial na cidade de Kharkiv, localizada a cerca de 30 quilómetros da fronteira.

Os ucranianos, orientados pelo português Paulo Fonseca, ocupam o terceiro lugar no grupo F e estão obrigados a vencer Lyon, do guarda-redes luso Anthony Lopes, segundo classificado, na sexta e última jornada, para garantirem o apuramento para os oitavos de final da prova ‘milionária’.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.