"Portugal agradece a inesquecível peregrinação de Vossa Santidade a Fátima", escreveu Marcelo Rebelo de Sousa, numa mensagem enviada ao papa Francisco após a partida para Roma, publicada no 'site' da Presidência.

O avião do papa Francisco aterrou hoje às 19:20 locais (18:20 de Lisboa) em Roma, duas horas e meia depois da partida da base aérea de Monte Real, Leiria.

O papa esteve em Fátima para presidir às cerimónias do centenário das "aparições" e à canonização de Jacinta e Francisco Marto, duas das crianças que em 1917 afirmaram ter visto Nossa Senhora na Cova de Iria.

Esta foi a sexta visita de um papa ao Santuário de Fátima. Paulo VI (1967), João Paulo II (1982, 1991 e 2000) e Bento XVI (2010) foram os anteriores pontífices a visitar Portugal.

Além de presidir às cerimónias do Centenário das Aparições, o papa, que chegou a Portugal na sexta-feira à Base Aérea de Monte Real, no concelho de Leiria, teve encontros com o Presidente da República e o primeiro-ministro, participou na bênção das velas e almoçou com os bispos portugueses.

Nas intervenções que fez em Fátima, Francisco deixou apelos à paz e à concórdia e lembrou os excluídos da sociedade e todos os que sofrem em consequência dos conflitos em vários países do mundo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.