Não foi um mês calmo para os lados de Alvalade. O Sporting CP "arrumou a casa" e, para além de contratar jogadores que entendeu necessários para o reforço do plantel (quer numa perspetiva imediata, quer num ótica de futuro), deixou também sair alguns, por empréstimo ou em definitivo.

Olhemos, portanto, para o resumo da janela de inverno do leão:

Entradas

A principal contratação de inverno do Sporting CP é, na verdade, e nas palavras do seu treinador uma aquisição para o futuro. Wendel é um médio brasileiro que chegou do Fluminense por cerca de 7 milhões de euros mas que, segundo Jorge Jesus, tem ainda muito a aprender. Veremos se ainda soma alguns minutos este ano, de leão ao peito. Para além de Wendel, Misic chegou também para o meio-campo leonino, proveniente do Rijeka croata e por um valor a rondar os 2 milhões de euros.

"Cá dentro", os leões apostaram em Ruben Ribeiro, criativo de 30 anos que depois de passagens por clubes como Leixões, Beira-Mar, Boavista ou Rio Ave chega agora a um grande do futebol português.

Por último (até ver...), um regresso: Fredy Montero, avançado colombiano que tinha deixado os leões há dois anos e que andou pela China (Tianjin Teda) e pelo Canadá (Vancouver Whitecaps).

Saídas

Janeiro foi também mês de arrumar a casa para os lados de Alvalade. O plantel "emagreceu" e viu sair Alan Ruiz por empréstimo para o Colón da Argentina. O jogador das Pampas nunca pareceu adaptar-se verdadeiramente ao futebol português e parte de volta para o seu país, depois também de alguns problemas disciplinares.

Outro jogador a sair por empréstimo foi Iuri Medeiros. O talentoso médio português assinou pelo Génova por empréstimo dos leões. Também Tobias Figueiredo, produto da academia leonina (tal como Iuri Medeiros) saiu de Alvalade. O Nottingham Forest do Championship foi o destino, sendo que o empréstimo do defesa central (que vai ser treinado por Aitor Karanka no histórico emblema inglês) tem opção de compra obrigatória de 2,3 milhões de euros.

Do plantel do leão partiu também Mattheus Oliveira. O filho de Bebeto nunca teve espaço no plantel de Jesus (4 jogos e 1 golo) e rumou a norte, à cidade-berço, para reforçar o plantel do Vitória de Guimarães.

Para outro Vitória, o de Setúbal, partiu Wallyson. O médio brasileiro (que alinhou na equipa B leonina durante a primeira metade da época) vai reforçar o plantel às ordens de José Couceiro.

Por último, uma saída de um jogador que não compunha o plantel dos leões presentemente. Oriol Rosell, médio espanhol que estava emprestado ao Portimonense, rumou aos EUA para representar os Orlando City SC.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.