"Foi o meu último jogo pelo Sporting", admitiu Silas na conferência de imprensa após a derrota do Sporting por 3-1 no terreno do Famalicão. Foi uma "decisão mais do que pensada", disse, assumindo que a mesma começou "logo a seguir ao jogo na Turquia" - derrota em casa do Basaksehir por 4-1, o que ditou a eliminação na Liga Europa - e que foi tomada na sexta-feira.

Embora ainda não tenha sido oficializado, o ainda treinador 'leonino' referiu-se já ao potencial sucessor, Ruben Amorim, que nos últimos dias tem sido anunciado como já próximo de assinar pelos 'verde e brancos'.

Silas disse que o ainda treinador do Braga "vai precisar de muita ajuda" e que "vem para um desafio enorme".

O antigo jogador deixa o comando da turma de Alvalade depois de ter estado no banco em 28 jogos, dos quais empatou um e perdeu 10.  Silas deixa o Sporting no quarto lugar do campeonato, a 20 pontos do líder FC Porto, e com o pior registo da história do clube: 15 derrotas, como em 2000/01 e 2012/13.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.