Num 'crono' disputado sob chuva, Thomas cumpriu o percurso em 16.04 minutos, batendo o suíço Stefan Kung (BMC), por cinco segundos, e o bielorrusso Vasil Kiryenka (Sky), por sete, enquanto o britânico Chris Froome (Sky), triplo vencedor do Tour (2013, 2015 e 2016), foi o melhor dos favoritos, ao terminar em sexto, a 12 segundos do colega de equipa.

O português Tiago Machado (Katusha Alpecin) foi 96.º, a 1.04 minutos de Thomas, numa etapa marcada pela queda e consequente abandono do espanhol Alejandro Valverde, um dos líderes da equipa Movistar, juntamente com o colombiano Nairo Quintana.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.