Na madrugada de sábado, 4 de novembro, no mítico Madison Square Garden, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, a lenda está de volta e três títulos estão em linha. Mas há várias questões que se colocam: quem é este GSP e em que condições regressa? Irá Rose Namajunas romper com invencibilidade de Joanna Jędrzejczyk? Cody 'No Love' Garbrandt vai conseguir levar a melhor sobre o ex-colega de equipa T.J. Dillashaw? Será o UFC 217 maior que o UFC205, encabeçado por Conor McGregor?

Rafael Silva, autor do podcast sobre MMA Murro no Estômago e administrador do Ultimate Fight, e Bernardo Pires, administrador da página de Facebook MMA Portugal e co-apresentador do podcast Murro no Estômago fizeram a antevisão do evento no Facebook do SAPO24.

MSG, UFC e GSP. Três siglas, três cinturões e um regresso de uma lenda viva do desporto à competição após quatro anos fora do octógono. O campeão em título na categoria de Pesos-Médios (Middleweight) é Michael Bisping. Aos 38 anos, o britânico, que venceu a temporada 3 do reality-show The Ultimate Fighter (TUF), vai defrontar Georges St-Pierre (GSP), naquele que será o evento principal do UFC 217.

No entanto, há mais dois cinturões em jogo durante o evento. E um desses casos acarreta história de dois ex-antigos companheiros que não partilham o maior dos amores um pelo outro. Trata-se da luta que vai definir o novo campeão da categoria de Peso Galo (até 61kg), onde Cody Garbrandt vai defrontar T.J Dillashaw — eram para se defrontar no UFC 213, mas que não decorreu porque Cody teve de recuar devido a uma lesão nas costas.

Para arrumar com a questão dos títulos, falta apenas referir a contenda que vai opor a invicta Joana Jedrzejczyk à desafiante Rose Namajunas. Por fim, para completar o cartaz principal, existem ainda os excitantes confrontos entre Stephen Thompson vs. Jorge Masvidal e Johny Hendricks vs. Paulo Henrique Costa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.