O espanhol, que seguia a 34 segundos do camisola amarela, Jóni Brandão (Efapel), entrou no carro da equipa em lágrimas quando estavam decorridos cerca de 47 quilómetros.

O diretor desportivo, Jorge Piedade, explicou à Lusa que o ciclista de 30 anos está doente, com uma indisposição, e passou mal a noite, razão que leva à desistência do chefe de fila da formação algarvia.

Terceiro classificado em 2017 e 2018, o espanhol abandona a 81.ª edição na ‘etapa rainha’, entre Fafe e a Senhora da Graça, de 133,5 quilómetros, a penúltima antes do contrarrelógio de domingo, entre Vila Nova de Gaia e o Porto.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.