Em comunicado, a CP diz que “este crescimento da procura tem superado as melhores expectativas da empresa e tem obrigado a CP e a EMEF [Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário], empresa responsável pela manutenção dos comboios, a operar no máximo da sua capacidade”.

Nos primeiros quatro meses de 2017 a CP transportou mais 2,3 milhões de passageiros do que em igual período do ano passado, altura em que utilizaram os comboios da empresa cerca de 36,6 milhões de pessoas.

Já os proveitos de tráfego aumentaram 4,8 milhões de euros no período, o equivalente a um crescimento de 6,9%.

Segundo a CP, os passageiros transportados nos comboios de longo curso, Alfa Pendular e Intercidades cresceram 7,2%, para 1,8 milhões.

Já nos comboios urbanos de Lisboa o crescimento foi de 6,6%, para 26,4 milhões de passageiros, enquanto a procura nos comboios urbanos do Porto aumentou 5,7%, para um total de 7,1 milhões de passageiros.

Nos comboios do serviço regional foram transportados 3,4 milhões de passageiros até abril, correspondentes a um crescimento de 4,7%.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.