Com um investimento de vários milhões de euros, cujo montante não foi revelado, a unidade hospitalar de Coimbra da Idealmed vai passar a dispor "de um dos mais modernos serviços de imagem médica do país", de acordo com um comunicado do grupo enviado à agência Lusa.

O objetivo, acrescenta, é "dar resposta, em termos de diagnóstico e terapêutica, às mais exigentes e diferenciadas necessidades clínicas dos seus clientes".

"Este é um investimento que nos vai permitir aumentar a qualidade da nossa oferta de serviços clínicos e que, naturalmente, tem como objetivo prestar cuidados cada vez mais diferenciados aos nossos clientes do Hospital de Coimbra e de toda esta região", salienta o administrador Pedro Beja Afonso, citado num comunicado.

O novo parque tecnológico do Hospital de Coimbra inclui equipamento de uma geração diagnóstica, como a ressonância magnética 3.0 Tesla, a Tomografia Computorizada (TAC) volumétrica de baixa dose de radiação, o novo equipamento angiográfico com tomografia de feixe cónico que permite intervenção de hemodinâmica e radiologia de intervenção.

Estão incluídos ainda um novo sistema de PACS, que vai ligar Coimbra a todas as unidades do Grupo Luz Saúde, além de permitir a realização de exames de senologia com tomossíntese, "numa aposta forte no centro avançado de diagnóstico de mama", além de exames de radiologia digital.

"As mais modernas tecnologias na área da imagem médica, associadas a uma organização clínica multidisciplinar e a uma medicina de excelência — que são a marca distintiva do Grupo Luz Saúde — estarão ao serviço da região Centro, neste hospital, a partir do próximo mês de setembro", adiantou Pedro Beja Afonso.

Segundo o comunicado, o Departamento de Imagiologia do Hospital de Coimbra tem já capacidade para a realização de um extenso leque de exames complementares de diagnóstico por imagem, através por Ressonância Magnética e TAC, assim como exames de radiologia convencional (RX e Ortopantomografia) e de medicina nuclear, dispondo ainda de equipamento destinado à realização de exames de densitometria óssea, mamografia, ecografia e eco Doppler.

Além destas áreas, o Hospital de Coimbra está preparado para fazer "radiologia de intervenção vascular e não vascular, sendo possível, por isso, realizar biopsias, drenagens, tratamento de tumores e metástases, infiltrações articulares (dirigidas por TAC e ecografia) e angiografia diagnóstica e terapêutica, com técnica minimamente invasiva, entre outros".

"A sua atividade alarga-se ainda ao tratamento de tumores com técnica minimamente invasiva", lê-se no comunicado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.