“O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil (MAPA) aceitou o modelo de certificado proposto pela DGAV para a exportação de produtos de aquacultura para aquele importante mercado, dando resposta a interesses manifestados por diversos operadores”, lê-se numa nota divulgada pela DGAV.

Segundo a direção-geral de alimentação, o Brasil é um dos “destinos mais importantes” para a exportação destes produtos de pesca produzidos em Portugal, “pelo que esta nova abertura vai reforçar e complementar” as exportações.

A certificação sanitária oficial a emitir está disponível nas Direções de Serviços de Alimentação e Veterinária Regionais/ Regiões Autónomas (DSAVR/RA).

“Estão, assim, estabelecidas as condições sanitárias para a exportação destes produtos”, vincou.

A DGAV é um serviço central da administração direta do Estado, com autonomia administrativa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.