Foi anunciada a composição do novo Governo e fiquei um pouco desiludido. Vivemos tempos em que as personalidades políticas têm de ser mais mediáticas do que competentes e se, à imagem dos EUA, temos um presidente que ficou conhecido na televisão, fazem falta ministros mais famosos. Com os deputados já conseguimos dar um passo em frente este ano e eleger alguns apenas e só porque têm espaço para falar na televisão e, por isso, aqui fica a minha lista alternativa de Governo:

- Primeira Ministra – Cristina Ferreira seria a minha escolhida;

- Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros – Sara Norte, com provas dadas em negócios no estrangeiro, penso que seria a escolha ideal para o cargo;

- Ministra de Estado e da Presidência – Maria Vieira. Porquê? Porque a ministra que vai tomar posse é a Mariana Vieira e fez-me lembrar a parrachita. Esta nomeação teria a vantagem de conseguirmos 2 ministros pelo preço de um, já que o marido dela vinha atrelado;

- Ministro de Estado e das Finanças – Cristiano Ronaldo, obviamente. Se dizem que Centeno é o CR7 das Finanças, imaginem o que seria ter mesmo o Cristiano a gerir o dinheiro do país. Do nada fez uma fortuna e sabe usar melhor do que ninguém 300 mil euros de cada vez;

- Ministro da Defesa Nacional – A Maya ou a Maria Helena, pois teríamos os anjos da guarda do nosso lado, bastando lançar as cartas em vez de comprar antiaéreas;

- Ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital – Rui Unas. É alguém que soube transitar da televisão para a Internet e é perito em economia através da utilização de cupões da Prozis;

- Ministro da Administração Interna – Sónia Brazão, que tem experiência em fogos e explosões e que, ficando com esta pasta, poderia ser uma mais-valia para a área de auxílio e socorro;

- Ministra da Justiça – Palhaço Batatinha. Porque basta olhar para a quantidade de banqueiros e políticos corruptos soltos para perceber que a justiça é uma palhaçada;

- Ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública – Uma influencer de Instagram;

- Ministro do Planeamento – José Mourinho, obviamente;

- Ministra da Cultura – Maria Leal, obviamente;

- Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – Estou na dúvida entre o Toy e a Rita Pereira;

- Ministro da Educação – Carlos Cruz, que tenho a certeza que iria seguir de perto o ensino, especialmente do 1.º e 2.º Ciclo;

- Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social – Dora ou Jorge Cadete, pois é importante ter políticos que saibam o que o povo sente;

- Ministra da Saúde – Alexandra Solnado, que tem Jesus do lado dela. Se conseguiu curar um cancro do pai só com o olhar, poderá ser a ministra ideal para diminuir os tempos de espera no Serviço Nacional de Saúde.

- Ministro do Ambiente e da Ação Climática – Um bebé filho de um famoso qualquer. Seria a nossa Greta, sempre a chorar por tudo e por nada. Teria de haver cuidado para não o sentar ao lado do Ministro da Educação;

- Ministro das Infraestruturas e da Habitação – José Castelo-Branco, que está habituado a obras de grande dimensão que mantêm a sua esposa viva e inteira, mais ou menos;

- Ministra da Coesão Territorial – David Carreira, porque já tem experiência em unir o território português em achar que ele é ridículo a tentar falar português com sotaque brasileiro;

- Ministra da Agricultura – Um dos agricultores daquele programa da SIC;

- Ministro do Mar – Paulo Azevedo, aquele rapaz sem braços nem pernas. Só porque era giro. Também podia ser o Dux da Lusófona.

Seria um Governo menos capaz do que o actual? Talvez um pouco, mas a política seria muito mais interessante e haveria menos abstenção nas próximas eleições. Depois digam que eu não tento arranjar soluções para os problemas do país.

Sugestões e dicas de vida completamente imparciais:

Para rir: Novas e últimas datas do meu espectáculo de stand-up comedy a solo, em Vila Real, Évora, Almada, Covilhã e Damaia. Bilhetes neste link.

Para ver: O que é que se faz aqui? de Dário Guerreiro

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.