Nestes 55 anos ao serviço de Portugal, “o navio percorreu 613.519 milhas e realizou 100.957 horas de navegação, visitou 60 países e atracou em 168 portos”, informa a Marinha num comunicado publicado na sua página da Internet.

O NRP Sagres foi construído em 1937 nos estaleiros Blohm & Voss, em Hamburgo, na Alemanha, tendo recebido o nome de Albert Leo Schlageter.

No final da II Guerra Mundial, Albert Leo Schlageter foi entregue aos Estados Unidos e ao fim de três anos foi cedido à Marinha do Brasil onde passou a ostentar o nome de Guanabara.

Este nome permaneceu até 1962, ano em que foi adquirido por Portugal, que o batizou como “Sagres”.

Segundo a Marinha, “a principal missão do Navio-Escola Sagres é possibilitar o contacto com a vida no mar aos cadetes da Escola-Naval, os futuros oficiais da Marinha, através das viagens de instrução a bordo do navio”.

O navio escola, que já realizou três voltas ao mundo, tem também como missão a representação da Marinha e do país, funcionando como “embaixada itinerante de Portugal”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.