Com 26 anos, o único filho de um casal de alentejanos, nascido e crescido na cidade de Lausana afirma ter descoberto o gosto pela área da comunicação e dos media ainda criança.

“Sempre tive necessidade de criar brincadeiras para me ocupar. Talvez por ter sido filho único e ter crescido sozinho”, disse à Lusa o jovem locutor, recordando que se fechava no quarto, “colocava os peluches em cima da cama, pegava no microfone e teatralizava o que via na televisão para o público”.

Stefane Guerreiro começou a trabalhar na rádio com 15 anos de idade, de forma voluntária, assumindo o papel de locutor de um programa de fim de semana, numa rádio associativa na cidade de Lausanne, tendo chegado a diretor de programa.

Enquanto estudava e durante vários anos, Stefane Guerreiro foi assumindo em simultâneo o papel de estudante e de locutor de rádio.

“Com 15 anos os meus amigos saiam para passear ao fim de semana e eu ia para a rádio trabalhar até tarde”, afirma o jovem locutor.

Segundo o animador, a sua primeira experiência na rádio foi determinante para a carreira que viria a construir.

“A rádio associativa em questão já deu muitas vozes a muitas rádios da região”, explicou.

Depois, “foi aos 18 anos de idade que surgiu a primeira proposta profissional”, recordou, salientando que começou a locução num programa de entretenimento, a fazer diretos, aos fins de semana, numa rádio privada.

Alguns meses mais tarde, “surgiu a oportunidade de assumir a antena durante a semana”.

Apaixonado pelo mundo da rádio desde criança, o jovem locutor esteve continuamente ligado ao mundo radiofónico até que conseguiu conquistar o lugar de destaque que detém hoje naquela que é a segunda rádio mais ouvida da Suíça francesa, a rádio privada One Fm.

“Hoje, a minha rotina diária é levantar-me às 4 horas da manhã para ir apanhar o comboio para Genebra, onde se encontram os estúdios da rádio One FM”, que partilha no horário entre as 05:00 e as 09:00 com mais dois animadores e um jornalista, num ritmo que inclui música, passatempos e informação.

“O que mais me apaixona na minha profissão é saber que cada dia é diferente, gosto muito de acordar as pessoas e de partilhar com elas uma boa energia”, afirmou.

Além de ser uma das vozes das manhãs da One FM, Stefane Guerreiro foi durante três anos o apresentador de um programa de informação da televisão regional La Télé, tendo assumido no final do ano passado um novo projeto no mesmo canal

*Por Vanessa Santos, da Agência Lusa

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.