“Sinto-me entusiasmada por partilhar convosco que o meu novo álbum vai sair muito em breve”, pode ler-se numa imagem com texto manuscrito assinado pela cantora.

Nos comentários é colocada ainda a ligação para as pré-encomendas, no ‘site’ de Björk, que já estão disponíveis, embora os detalhes não estejam ainda lá publicados.

O anterior disco da artista – “Vulnicura” - data do começo de 2015 e, na altura, foi descrito pela própria como um “álbum de completo desgosto amoroso”, com três canções compostas antes de uma separação e outras três depois.

“Em primeiro lugar, estava preocupada que seria demasiado indulgente, mas depois senti que poderia torná-lo ainda mais universal e espero que as canções possam ser uma ajuda, uma muleta para outros e para provar quão biológico este processo é da ferida e do sarar da ferida”, pode ler-se na descrição de “Vulnicura”.

Em março do ano passado, em entrevista à revista “AnOther”, Björk disse estar a compor o novo trabalho, do qual já tinha três temas e no qual estava a trabalhar com o produtor Alejandro Ghersi, que dá pelo nome de Arca, com quem já havia colaborado.

“Ao álbum anterior chamamos-lhe ‘inferno’ – foi como um divórcio! Então agora estamos a fazer o paraíso. A utopia. Fizemos o inferno, ganhámos alguns créditos”, disse, na altura.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.