O acesso aos monumentos, museus, teatros e cinema geridos pela EGEAC - Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural passa a ser gratuito para os jovens até 23 anos e maiores de 65 anos (inclusive), desde que residam em Lisboa.

A medida entra em vigor a partir desta quinta-feira, 1 de dezembro, e insere-se no “Passe Cultura, que torna mais abrangente a gratuitidade no acesso a equipamentos culturais”, refere a EGEAC que tutela, entre outros, o Castelo S. Jorge, o Museu do Aljube e o Museu do Fado, o Museu da Marioneta, o Teatro Taborda e o Teatro S. Luiz.

Esta isenção “aplica-se a espetáculos cuja receita reverta integralmente para a EGEAC”, mas não abrange os “espetáculos realizados em regime de acolhimento ou produzidos/apresentados em parceria com outras entidades, bem como as atividades paralelas sujeitas a um valor de inscrição (visitas guiadas, oficinas dos serviços educativos, workshops, seminários e ações de formação, etc.)”.

A iniciativa prolonga-se até 30 de junho de 2023, período em que se mantêm inalterados os preços de entrada nos equipamentos culturais sob gestão direta da EGEAC praticados em 2022.

O passe permite o acesso gratuito a 26 equipamentos geridos pela autarquia e a 21 geridos pela EGEAC.

Espaços abrangidos pelo Passe Cultura

  • LU.CA-Teatro Luís de Camões
  • São Luiz Teatro Municipal
  • Teatro do Bairro Alto
  • Castelo de São Jorge
  • Cinema São Jorge
  • Museu do Fado
  • Casa Fernando Pessoa
  • Galerias Municipais de Lisboa
  • Atelier-Museu Júlio Pomar
  • Museu Bordalo Pinheiro
  • Museu de Lisboa (todos os polos)
  • Museu da Marioneta
  • Museu do Aljube Resistência e Liberdade
  • Padrão dos Descobrimentos
  • Bibliotecas Municipais
  • Salas de ensaio e residências artísticas do Polo Cultural das Gaivotas/Boavista

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.