São mais de três mil peças de porcelana da Vista Alegre, empilhadas umas em cima de outras, com cinco metros de altura e pesando 2,5 toneladas. Da autoria da artista plástica Cláudia Pinto, a segunda maior árvore de Natal no mundo feita de peças de porcelana, conforme descreve a centenária marca situada em Ílhavo, está instalada no Museu da Misericórdia do Porto.

A árvore, instalada na Galeria do Benfeitores do Museu e Igreja da Misericórdia do Porto, está inserida na exposição de mesas de Natal intitulada “Artes da Mesa: Tradição e Modernidade na Vista Alegre”. Esta exibição, patente até 14 de janeiro, mostra três interpretações de mesas da Consoada dos decoradores Guilherme do Vale, Isabel Pires de Lima, e a dupla Sofia Costa e Gonçalo Chen.

Cada um dos decoradores escolheu uma peça que nasceu e nasce na fábrica de porcelana fundada em 1824 para servir de inspiração no desenho da sua mesa de Natal.

Guilherme do Vale socorreu-se do Presépio Biscuit, escultura da autoria de Leopoldo de Almeida, de que resultou uma “Luz Eterna”, pintada de branco e dourado, utilizando as coleções Mouraria, Paseo, Christian Lacroix e Matrix.

Com uma combinação do estilo clássico e vegetalista do serviço de mesa Anna, do orientalismo da coleção Margão e da modernidade dos copos de cristal Lybra, Isabel Pires de Lima desenhou, em tons de azul-escuro, dourado e branco, uma mesa a que deu o nome de “Tão Serena”.

A “Força da Natureza” foi a opção da dupla Sofia Costa e Gonçalo Chen. Juntando uma paleta de 27 cores, a “Caixa Beringela” parte da coleção oriental Tobacco Leaf, recorre a peças biscuit, Art Déco, vidro e à faiança da Bordallo Pinheiro.

Por último diga-se, que a maior árvore de Natal do mundo, em porcelana, é feita todos os anos em Hasselt, na Bélgica (denominada capital do sabor). Mede nove metros, junta cinco mil peças de louça e tem a particularidade das peças serem oferecidas pelos moradores daquela cidade belga.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.