"Jean-Claude Juncker surpreendeu no método, mas as suas palavras deixaram implícita uma preferência clara por um caminho de aprofundamento do projeto europeu, com ambição e cooperação, dando resposta aos desafios da globalização, à estagnação económica, às insuficiências da moeda única e aos problemas sociais que têm assolado o projeto europeu”, considerou Zorrinho, numa reação ao Livro Branco para o futuro da União Europeia a 27, hoje apresentado no PE.

O eurodeputado adiantou ainda que “no processo de debate que agora se inicia, a delegação portuguesa do PS no PE não hesitará em lutar de forma determinada por um avanço conjunto do projeto europeu, incluindo a conclusão da União Económica e Monetária, a promoção da Segurança e da Defesa comum, o reforço dos recursos próprios e o desenvolvimento do Pilar Social".

O presidente da Comissão Europeia propôs hoje cinco cenários para o debate sobre o futuro da UE, sendo o primeiro o de Assegurar a continuidade do trabalho feito até aqui.

No segundo cenário, a UE restringe-se ao mercado único, enquanto no terceiro se propõe que faça mais os Estados-membros que querem fazer mais.

O quarto cenário, a UE irá fazer menos, mas com maior eficiência e o quinto resume-se no lema fazer muito mais, todos juntos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.