"É a primeira vez que a Diocese de Viana do Castelo promove uma formação nesta área. Que tenhamos conhecimento, no país, é também uma iniciativa inédita", disse hoje à Lusa o padre Renato Oliveira do secretariado diocesano para a comunicação social.

A diocese de Viana do Castelo, fundada através de uma bula do beato Paulo VI, publicada a 3 de novembro de 1977, abrange os dez concelhos do Alto Minho.

Renato Oliveira explicou que a iniciativa, promovida pelo secretariado diocesano de Liturgia, surgiu da necessidade de "estabelecer regras de convivência entre sacerdotes e fotógrafos durante as liturgias".

"O que se pretende é dar orientações como os fotógrafos se devem posicionar e movimentar durante as celebrações, como casamentos e batizados. Para que isso aconteça é preciso explicar o sentido da liturgia de modo a que o respeito pelo desempenho de cada um seja mútuo e sem perturbações", especificou.

Renato Oliveira adiantou que atualmente há cada vez mais câmaras e telemóveis durante as celebrações religiosas, impondo-se um "alerta a fotógrafos e sacerdotes para evitar reclamações de ambas as partes".

"Em plena era digitar há cada vez mais câmaras e telemóveis dentro das igrejas. Há necessidade de criar regras de convivência", frisou.

Também o diretor do secretariado de liturgia, padre Tiago Rodrigues, explicou que o objetivo é "diminuir os exageros que existem por parte de muitos profissionais da fotografia, aos quais nunca foi ensinado a estar numa celebração, nem a valorizar o espaço sagrado".

"Ao mesmo tempo pretende-se ajudar todos os párocos na preparação de celebrações em que, por diversos motivos, marcam presença fotógrafos", especificou.

As inscrições para a formação que "aberta não apenas a fotógrafos profissionais como amadores e que desempenham funções na liturgia" estão a decorrer até dia 21 de junho, sendo que já estão inscritos três dezenas de pessoas.

O curso vai decorrer realizar-se entre 1 e 3 de julho, no salão paroquial de Arcos de Valdevez.

"Escolhemos de Arcos de Valdevez porque o objetivo é descentralizar este tipo de ações. Na diocese aquele concelho é central, em termos geográficos", adiantou.

O Espaço Litúrgico, pelo padre Fernando Caldas, a celebração do matrimónio pelo pároco Jorge Barbosa e Da Técnica à Celebração Litúrgica, pelo Paulo Gomes são os temas da formação, cuja inscrição é gratuita.

A diocese mais jovem do país integra 291 paróquias espalhadas pelos dez concelhos do distrito de Viana do Castelo e tem 120 sacerdotes.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.