“O corpo foi encontrado, às 10:45, por um popular, fora da água, na beira da albufeira” e “cerca de um quilómetro acima” da área onde os bombeiros têm estado a mergulhar, disse à agência Lusa o comandante da corporação de Bombeiros de Ponte de Sor, Simão Velez.

Tanto o comandante como fonte da GNR contactada pela Lusa explicaram que, agora, o óbito ainda terá de ser validado pelo delegado de saúde, sendo depois o corpo transportado para os serviços de medicina legal.

As buscas por este homem, que desapareceu na barragem de Montargil no sábado à tarde, quando se encontrava na água com a filha de 05 anos, tinham entrado hoje no quinto dia.

A filha, que também caiu à água e entrou em situação de pré-afogamento, ainda foi retirada da barragem com vida, por populares.

O alerta para esta situação foi dado aos bombeiros às 15:06 de sábado.

Fonte da GNR disse que, de acordo com relatos de testemunhas, pai e filha estariam a utilizar um barco de borracha na albufeira, numa zona perto do parque de campismo.

“O senhor estava na água, a nadar, e a menina estaria no barco. As testemunhas não se aperceberam do que é que aconteceu a seguir”, disse a fonte.

A menina foi resgatada da água e levada para terra, inconsciente, sendo sujeita a manobras de reanimação, relatou na altura a fonte da força de segurança. Foi transportada para o hospital de Abrantes (Santarém), mas morreu no caminho.

A operação para tentar encontrar o homem incluiu vigilância em terra, mas sobretudo buscas subaquáticas, com recurso a mergulhadores de corporações de bombeiros.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.