As mensagens de apoio dos dois dirigentes europeus, que não fazem parte da “família socialista europeia”, serão apresentadas em vídeo durante os trabalhos da Convenção, na parte da tarde.

Além do chefe de Estado francês e do primeiro-ministro grego, serão apresentadas também outras duas mensagens de apoio de dois socialistas: o primeiro-ministro sueco, Stefan Löfven, e a húngara Zita Gurmai, presidente das Mulheres Socialistas Europeias.

“As mensagens destes dirigentes não socialistas representam um sucesso da construção da Frente Progressista europeia que o primeiro-ministro António Costa se tem esforçado por levar a cabo”, comentou à Lusa fonte da direcção do partido.

O partido de Tsipras, Syriza, é observador no grupo do Partido Socialista Europeu, ao passo que o partido En Marche de Emmanuel Macron tem relações próximas com grupo dos liberais ALDE (Aliança dos Liberais e Democratas pela Europa).

Durante a Convenção o líder socialista António Costa anunciará o nome do cabeça de lista às eleições europeias, que tudo indica será o atual ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.