Na semana passada, em comunicado, os CTT anunciaram que o Banco CTT tinha angariado “mais de 100 mil clientes” em nove meses de atividade, através da abertura de mais de 74 mil contas à ordem, e que iria lançar o crédito à habitação “no mês de janeiro”.

Questionado sobre a data de lançamento, à margem da apresentação do serviço de correio publicitário cttads.pt, hoje, em Lisboa, Francisco de Lacerda afirmou: “Ainda não estou à altura para divulgar, mas estamos a prontos e muito breve o nosso credito à habitação está no mercado”.

Sobre os primeiros nove meses de atividade do Banco CTT, que faz um ano em meados de março, o presidente executivo dos Correios de Portugal fez “um balanço positivo”, destacando a abertura de 200 lojas e angariação de 100 mil clientes, que “abriram mais ou menos 75 mil contas”.

Além disso, “a colocação do crédito ao consumo e cartões de crédito está a avançar a bom ritmo”, acrescentou o gestor.

“O banco encontrou claramente boa aceitação no mercado, é a conclusão que faço ao fim destes nove meses”, concluiu Francisco de Lacerda.

O Banco CTT arrancou em 18 de março do ano passado, tendo registado a “captação de depósitos acima de 250 milhões em 2016″.

Nos últimos três meses do ano passado, o Banco CTT lançou a oferta de crédito pessoal em parceria com a Cetelem, que está disponível nas lojas dos Correios e no ‘site’ da instituição, tendo neste período a produção superado a fasquia dos 2,5 milhões de euros por mês, segundo a empresa.

O cartão de crédito Banco CTT, lançado em novembro passado, conta com mais de 10 mil cartões colocados, segundo a empresa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.