Tinha para aí dois anos naquela fotografia que já vai perdendo a cor e que se substitui à minha memória.

Lá ia eu, ao colo da minha mãe, vestida de azul, avental colorido, lenço à cabeça - tudo a preceito - a fazer as delícias das pessoas que enchiam as ruas de Viana do Castelo. As crianças mais pequenas são quase sempre o ponto de atração dos desfiles nas Festas de Nossa Senhora d’Agonia.

Tenho sangue vianense, o ritmo do vira nos pés e pena de não estar em “Biana” agora. Hoje foi o dia do cortejo etnográfico, em que participo (a falhar nalguns anos) desde pequenina.

As Festas estão a acontecer este fim de semana e ficam como sugestão do dia - amanhã é a Festa do Traje, que faz 100 anos.

Vira, virou!

Saímos do Minho, descemos até à capital e, do Chiado para o mundo, recordamos a vida de Alexandre Soares dos Santos. O Sr. Pingo Doce, como era muitas vezes chamado, morreu esta sexta-feira. Era conhecido por ser “um espírito livre” e “um grande líder empresarial”, como lembram algumas das figuras da nossa sociedade. "Frontalidade" é uma das características mais consensuais quando ouvimos falar de Soares dos Santos. Estas dez frases ajudam a perceber porquê.

Numa conversa que não era para ser uma entrevista, o empresário falou “com desassombro” ao SAPO24, em junho de 2018, sobre as suas esperanças e receios. Para recordar aqui.

Vira que vira!

Saltamos agora para o grande ecrã para lhe contar que o cinema português recebeu hoje o prémio máximo do Festival Internacional de Locarno. O nosso realizador Pedro Costa ganhou o Leopardo de Ouro com o filme “Vitalina Varela”. Parabéns!

Antes de virar para o final, e porque a consciência não me ia deixar descansada sem tocar de todo no assunto, lembro só que a greve dos motoristas vai no sexto dia. Quer um resumíssimo? Aqui está ele: o Governo fala de “crescente normalidade”, os patrões pedem mediação e o Sindicato quer garantir a base de entendimento negociada ontem (ou isto, se quiser mais detalhe). É caso para dizer: vira o disco e toca o mesmo.

O meu nome é Margarida Alpuim e hoje o dia foi assim.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.