Os lucros da fabricante de automóveis alemã Volkswagen caíram 57% no segundo trimestre, para 1,15 mil milhões de euros, anunciou hoje a empresa.

Os lucros do segundo trimestre foram pressionais por quase 2,5 mil milhões de euros em fatores especiais, maioritariamente relacionados com o escândalo da manipulação de emissões poluentes de 2015.

"Enormes provas serão necessárias para conter os elevados custos da questão do diesel", disse o diretor financeiro, Frank Witter, em comunicado.

No primeiro semestre, os lucros líquidos caíram para 3,579 milhões de euros, 36,8% menos do que no mesmo período de 2015.

No mesmo período, os lucros operativos caíram 21,7%, para 5.339 milhões de euros.

A faturação caiu 0,8% entre janeiro e junho, para 107.935 milhões de euros, quando comparado com o primeiro semestre do ano passado.

A Volkswagen criou no primeiro semestre provisões adicionais de 1.600 milhões de euros para enfrentar os custos legais da manipulação de emissões.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.