Os manifestantes, na sua maioria jovens, foram convocados por grupos sociais e políticos de esquerda.

Os manifestantes exibiram cartazes com lemas como “Não é o meu presidente” (“Not my president”) ou “Parem Donald Trump (“Stop Donald Trump”).

Iniciadas com centenas de pessoas, as duas marchas foram ganhando adeptos e terão concentrado cerca de 2.000 manifestantes em frente à Trump Towe, segundo os cálculos da imprensa local citados pela agência espanhola Efe.

A polícia estava a acompanhar as manifestações e, até às primeiras horas da noite em Nova Iorque, não reportou quaisquer distúrbios ou detidos.

Manifestações idênticas estavam em curso noutras cidades norte-americanas.

Donald Trump vai ser o 45.º Presidente dos Estados Unidos depois de vencer a candidata do partido democrata, Hillary Clinton, nas eleições presidenciais disputadas na terça-feira.

Trump conquistou 289 mandatos eleitorais, contra 218 de Clinton, ultrapassando os 270 mandatos necessários para vencer a eleição.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.