O independente Rui Moreira, que se deslocou ao novo espaço na companhia do Presidente da República (PR), falava aos jornalistas a meio da visita ao Mercado Temporário do Bolhão (MTB), que dista “cerca de 200 passos” do edifício “original” e acolhe, em 5.600 metros quadrados, 82 dos comerciantes do centenário espaço comercial durante os 24 meses previstos para a requalificação.

O PR, Marcelo Rebelo de Sousa, deslocou-se a pé desde o mercado “original” até ao MTB e durante o percurso foi engolido por uma multidão que quis cumprimentá-lo, dar-lhe beijos, tirar fotografias e alertar para os lesados do BES que ainda não chegaram a acordo para receber a totalidade do investimento.

Já no MTB, Marcelo foi novamente rodeado de compradores, que esperavam “há horas” para o abraçar, alertar para as dificuldades dos autistas ou problemas da Segurança Social, ao mesmo tempo que os comerciantes do mercado temporário agradeciam a visita e o novo espaço, com “ótimas condições”.

O atual projeto de 22 milhões de euros para recuperar o Bolhão como “mercado público de frescos” é a quarta iniciativa da Câmara do Porto para requalificar o espaço centenário ao longo dos últimos 30 anos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.