Com os novos dados, eleva-se para 227 o número de palestinianos mortos no enclave de Gaza desde o início do conflito, a 10 deste mês, nos confrontos que opõem o exército israelita e grupos armados palestinianos.

As hostilidades na Faixa de Gaza começaram em 10 de maio, com vários foguetes disparados pelo movimento palestiniano Hamas contra Israel, depois de centenas de manifestantes palestinianos terem ficado feridos em confrontos com a polícia israelita em Jerusalém Oriental.

Na origem dessas manifestações esteva a ameaça de despejo forçado de famílias palestinianas em benefício dos colonos israelitas.

Desde então, pelo menos 227 pessoas, incluindo 64 crianças, morreram em ataques israelitas na Faixa de Gaza, de acordo com o Ministério da Saúde local.

Em Israel, disparos de foguetes a partir de Gaza provocaram 12 mortos, segundo a polícia israelita.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.