"A Comissão de Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis do Patriarcado de Lisboa recebeu uma lista de 24 nomes, enviada pela Comissão Independente ao Cardeal-Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente", foi informado em comunicado.

O Patriarcado de Lisboa refere ainda que, "destes 24 nomes, 8 são de sacerdotes já falecidos, 2 são sacerdotes doentes e retirados, 3 de sacerdotes sem qualquer nomeação, 5 são de sacerdotes no ativo, 4 são nomes desconhecidos, 1 dos nomes refere-se a um leigo e outro a 1 sacerdote que abandonou o sacerdócio".

"Esta Comissão Diocesana solicitou de imediato, à Comissão Independente, os dados respeitantes à lista nominal, de forma a tornar possível a entrega ao Cardeal-Patriarca das recomendações que lhe permitam fundamentar a proibição do exercício público do ministério dos sacerdotes no ativo e assunção das devidas responsabilidades no apoio e respeito pela dignidade das vítimas", é ainda explicado.

Nesse sentido, "a Comissão Diocesana aguarda com caracter de urgência a resposta da Comissão Independente".

No comunicado, o Patriarcado de Lisboa refere ainda que "prossegue a sua determinação em erradicar o drama dos abusos contra menores e adultos vulneráveis", tanto "na área da prevenção" como no apoio "a todas as vítimas, que permanecem no centro de todas as prioridades do trabalho desenvolvido" pela Comissão Diocesana.

Associações de apoio especializado à vítima de violência sexual:

Quebrar o Silêncio (apoio para homens e rapazes vítimas de abusos sexuais)
910 846 589
apoio@quebrarosilencio.pt

Associação de Mulheres Contra a Violência - AMCV
213 802 165
ca@amcv.org.pt

Emancipação, Igualdade e Recuperação - EIR UMAR
914 736 078
eir.centro@gmail.com

De recordar, também, que foi assinado um "protocolo de colaboração com a APAV (Associação Portuguesa de Apoio à Vítima)". "Contamos igualmente com a colaboração do programa CARE, da APAV, no acolhimento de todas as denúncias que cheguem a esta Diocese, nomeadamente através do seguinte endereço: protegereprevenir@patriarcado-lisboa.pt", é referido.

Quanto à Comissão Diocesana, está "efetivada a saída dos sacerdotes" que a integravam e "foi eleito como seu moderador interino o antigo Procurador-geral da República José Adriano Machado Souto de Moura".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.