Quer tenha sido no ensino secundário, quer tenha sido na universidade, todos aqueles que por lá passaram, sentiram em algum momento, bem na pele, o trabalho desgastante que era organizar o índice, bibliografia ou simplesmente para confirmar se as citações estavam correctas. Ora, esses tempos estão, pelo menos em teoria, contados.

Research, assim se chama esta funcionalidade do Word, tem um propósito simples: ajudar a encontrar fontes e cita-las sem sair do programa, avança o Mashable. Um dos objectivos, diz a Microsoft, passa por ajudar os estudantes a quebrar o engodo que é dar início à redacção dos trabalhos. E já se encontra disponível no novo update do Microsoft Office.

Tendo por base o Microsoft Bing Knowledge Graph (o motor de busca executa uma pesquisa semântica estruturada do que se procura, fornecendo informação de outras fontes sem ter que sair do site; por exemplo, quando procura por uma empresa e a informação desta aparece no lado direito adjacente aos links), o Researcher permite que o utilizador faça as pesquisas directamente no Microsoft Word sem ter que sair ou minimizar do programa. Segundo a Microsoft, o resultado da pesquisa, é material novo, educacional e amigo do professor - quer isto dizer que vai procurar fugir um pouco da Wikipedia. Algo que poderá agradar as partes envolvidas, docente e discente.

Assim como citar fontes deixa de ser um problema. Com a Research, para além de ser tudo tudo feito no documento, as citações ficam automaticamente guardadas no índice e na bibliografia. Basta escolher o tipo de citação pretendido que tudo ficará guardado.

Mas a Microsoft não pretende ficar aqui. A companhia lançará uma nova funcionalidade, denominada Editor, que tem por base ajudar na redacção dos trabalhos. Desenvolvida em parceria com uma equipa de linguísticos, o Word passará a sugerir novas formas de escrita e sugestões. Tem medo de ser demasiado repetitivo no seu discurso? Ou será que tem receio que não esteja a optar por um discurso apropriado para o público-alvo? Com esta funcionalidade, não precisará de ter receio. A função do Editor passa por isso mesmo: ajudar a definir no modo como se quer comunicar. Pode-se, inclusive, optar por uma escrita com um discurso com um jargão específico ou por uma escrita informal. A escolha final será do redator. Ao Editor, caberá sugerir dentro do que pretende. E já não será preciso aguardar muito para trabalhar com esta nova ferramenta. É esperado que esta funcionalidade esteja disponível no final do ano.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.