Os primeiros meses na capital Britânica foram uma "aventura", disse-nos João. Tinha saudades da sua esposa, Ana, e escrevia-lhe cartas quase todos os dias.

Por outro lado, "todas as semanas eram diferentes, todas as semanas atingia algo novo, um pouco mais dinheiro no banco, o meu currículo melhorava, tal como as perspetivas para o nosso futuro", conta.

Agora casados e a viver juntos, ambos trabalham como professores. João trabalha numa escola para alunos com necessidades especiais e tem como objetivo dar aos seus estudantes uma segunda oportunidade. Além disso, é o fundador do blog "Como dar aulas em Inglaterra", uma plataforma online que ajuda outros falantes de língua portuguesa que querem tentar a sorte no Reino Unido.

Recentemente, o casal, ambos portadores de passaporte britânico, comprou um apartamento e desejam querem ficar em Londres por muitos mais anos - mesmo que o Brexit crie algumas barreiras. "Estou feliz por estar onde estou, nenhum dia é igual", diz João.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.