"O presidente e a chanceler também estão de acordo na importância fundamental da Aliança da NATO como a mais ampla relação transatlântica e seu papel para assegurar a paz e a estabilidade da nossa comunidade no Atlântico Norte", destacou a Casa Branca num comunicado.

A mesma nota informa, ainda, que Trump viajará em julho a Hamburgo para participar da cimeira do G20 e que receberá "muito em breve a chanceler em Washington".

Durante sua campanha, Trump mostrou-se muito crítico em relação à Aliança Atlântica, num momento em que a Rússia era vista na Europa como uma ameaça e a NATO, amplamente impulsionada pelos Estados Unidos, parecia ser a única muralha contra Vladimir Putin.

Merkel e Trump destacaram, ainda, que a NATO deve modernizar-se para ser capaz de enfrentar os desafios do século XXI e evidenciaram que "a nossa defesa comum necessita de um investimento adaptado às capacidades militares para assegurar que todos os Aliados contribuam de forma equitativa para a nossa segurança coletiva".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.