"Uma notícia fantástica. Confirma-se que a Fabric chegou a acordo com o conselho municipal de Islington e que voltará a abrir suas portas. Obrigado, Islington", afirmou o mayor de Londres,  Sadiq Khan, recordando que ele próprio frequentara a famosa discoteca londrina quando era jovem. A licença da Fabric, considerada um dos clubes míticos de Londres, tinha sido suspensa em agosto, a pedido da polícia.  À suspensão seguiu-se a perda efetiva da licença, em setembrom,  por decisão do conselho municipal do bairro de Islington, onde fica localizada. Tudo isto, apesar de uma petição na internet que conseguiu reunir 150.000 assinaturas. "Estamos muito gratos por poder confirmar que recuperámos a nossa licença. Não teria sido possível sem o vosso apoio  (...) Salvaram a Fabric", escreveram os responsáveis da discoteca na página do estabelecimento na internet.

O conselho municipal de Islington decidiu retirar a licença, em setembro, por considerar que o clube "uma cultura de consumo de drogas"que os seus funcionários eram "incapazes de controlar". A Fabric, que atrai os DJs mais famosos do mundo, tinha previsto recorrer ao encerramento nos tribunais na próxima semana, caso não chegasse a acordo.

Mas chegou a um acordo com o conselho muncipal, que prevê uma intensificação da segurança e a preveção e combate ao consumo de drogas. A entrada será proibida a menores de 19 anos e os que forem encontrados com drogas ou tentando vendê-las serão expulsos e proibidos de entrar no espaço para sempre.

A polícia de Islington elogiou num comunicado a "nova política de tolerância zero com as drogas" na discoteca, mas alertou que também não irá tolerar nenhuma "nova infração" da lei.

A Fabric é considerada uma das melhores discotecas do mundo, com três pistas de dança instaladas num antigo matadouro, do qual conservou a arquitetura em forma de labirinto, as paredes com azulejos e as vigas metálicas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.