Quem pode levar a vacina?

  • Pfizer - Pessoas com idade igual ou superior a 16.
  • Moderna e AstraZeneca - Pessoas com idade igual ou superior a 18.

Que tipo de vacina é esta?

  • Pfizer  e Moderna- Esta é uma vacina de RNA mensageiro (mRNA) que codifica para a proteína S (“spike”) do vírus SARS-CoV-2.
  • AstraZeneca - Esta é uma vacina que utiliza um vírus geneticamente modificado (vetor viral) que contem DNA para a proteína S (“spike”) do vírus SARS-CoV-2.

Como e quando é administrada?

  • Pfizer e Moderna- Serão administradas 2 doses com intervalo de 28 dias, no músculo do braço.
  • AstraZeneca - Serão administradas 2 doses com intervalo de 12 semanas, no músculo do braço.
  • Nas três vacinas, para que o esquema vacinal fique completo, a segunda dose deve ser com uma vacina da mesma marca adverte o manual.

Deve ter alguma precaução antes de ser vacinado?

Sim. Nos três casos, se estiver com febre, tosse, dificuldade respiratória, alterações do paladar ou do olfato não deve ser vacinado e deverá contactar o SNS 24 (808 24 24 24). Também não deve ser vacinado enquanto estiver em isolamento profilático, lembra a DGS.

Deve informar um profissional de saúde se...

  • Pfizer e Moderna -  Já teve uma reação anafilática a outros medicamentos; tem imunodeficiência ou realiza terapêutica imunossupressora (incluindo quimioterapia); ou tem doenças da coagulação, alteração das plaquetas ou faz terapêutica com anticoagulantes.
  • AstraZeneca -  Tem imunodeficiência ou realiza terapêutica imunossupressora (incluindo quimioterapia) ou tem doenças da coagulação, alteração das plaquetas ou faz terapêutica com anticoagulantes.

Em que situações a vacina está contraindicada?

A DGS pede que se aconselhe com o seu médico se...

  • tem historial de hipersensibilidade à substância ativa ou a qualquer um dos seus excipientes.
  • teve um reação anafilática a uma dose anterior da vacina.

Depois de ser vacinado deve ter alguma precaução?

Sim, quando:

  • Pfizer, Moderna e AstraZeneca-  Deve manter-se junto do local onde foi vacinado durante pelo menos 30 minutos. A DGS lembra que as reações alérgicas graves são muito raras, surgindo, geralmente pouco tempo após a administração.
  • AstraZeneca - Se sentir um mal-estar persistente (dores de cabeça frequentes, dores no corpo fortes) durante mais de 3 dias, pontos vermelhos ou manchas na pele fora do local de injeção, deve consultar e de imediato o seu médico ou ligar para o SNS24 (808 24 24 24).

Que reações adversas podem surgir?

  • Pfizer - dor ou inchaço no local da injeção, fadiga, dor de cabeça, dores musculares, dor nas aritculações ou febre.
  • Moderna -  dor, inchaço ou vermelhidão no local de injeção, edema ou sensibilidade na axila, fadiga, dor de cabeça, dores musculares, dores nas articulações, febre, arrepios ou náuseas.
  • AstraZeneca - sensibilidade, dor, calor ou comichão ou hematoma no local de injeção, fadiga, mal-estar, dores musculares, dor nas articulações, febre, arrepios, dor de cabeça ou náuseas.

O que fazer se surgirem reações adversas?

De acordo com o manual da DGS:

  • Pfizer - Se tiver febre, pode recorrer à toma de paracetamol. Se apresentar dor, inchaço ou calor no local da injeção, pode aplicar gelo várias vezes ao dia, por curtos períodos, evitando o contacto direto com a pele.
  • Moderna - Se tiver febre, pode recorrer à toma de paracetamol. Se apresentar dor, inchaço ou vermelhidão ou calor no local da injeção, pode aplicar gelo várias vezes ao dia, por curtos períodos, evitando o contacto direto com a pele
  • AstraZeneca - Se tiver febre, pode recorrer à toma de paracetamol. Se apresentar dor, calor ou hematoma no local de injeção, pode aplicar gelo várias vezes ao dia, por curtos períodos, evitando o contacto direto com a pele.

Em caso de persistência dos sintomas ou se surgir outra reação que o preocupe, deve contactar e o seu médico assistente ou o SNS24 (808 24 24 24).

O manual sobre a Literacia em Saúde e Comunicação pode ser consultado aqui.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.